CASA Sri Aurobindo - Núcleo para o Livre Desenvolvimento da Consciência

A CASA Cursos Publicações Yoga Integral Biblioteca
 

Início    CONCEITOS     Evolução    Transformação    Sadhana     Resumos    Leituras    Links
 


Conhecimento e Verdade

Verdade é Realidade, o que existe realmente, aquilo que é Real.

Conhecimento é uma representação mental possível dessa Realidade, podendo corresponder em maior ou menor grau a ela.

A Ciência, Filosofia e Religião propõem Modelos para a Realidade / Verdade. O homem comum, constatando a dificuldade em alcançar por si próprio, com segurança, a Verdade, adota um dos Modelos propostos, ou faz uma combinação pessoal destes.

Diversos são os modos pelos quais cada um adota um determinado modelo de realidade: tradição, identificação, conveniências, etc. ou mais comumente uma composição dinâmica desses diversos fatores.

O Modelo de Realidade descrito por Sri Aurobindo é aqui apresentado necessariamente segundo uma visão pessoal. Nosso objetivo é oferecer uma aproximação a uma das obras Magnas de Sri Aurobindo – A Síntese do Yoga. Para uma compreensão mais abrangente e profunda é importante uma abordagem direta dos textos de Aurobindo, no original em Inglês.

O Yoga Integral

O Yoga Integral de Sri Aurobindo, por ele chamado “Yoga da Auto-Perfeição” (Purna Yoga) é uma síntese da essência dos principais caminhos de Yoga indianos. Utilizando-se de métodos do Vedanta (psíquico-espirituais) e incluindo as metas do Tantra (deleite do Si cósmico na matéria), tem como objetivo a Perfeição Divina em um corpo humano divinizado, vivendo a vida cotidiana – a Vida Divina na Matéria. Como todos os caminhos de Yoga, a meta principal é a realização da unidade com o Divino pessoal, universal e transcendental. Como no Tantra, toma também como objetivo um deleite divino na matéria. Acrescenta como objetivo essencial a participação e responsabilidade do indivíduo no processo evolucionário da natureza, tornando este yoga um Yoga Coletivo que busca a manifestação plena do Divino na matéria.

A Evolução da Consciência

Foto: Pedro R. MoreiraSri Aurobindo afirma que a evolução é na verdade um progressivo desvelar da Consciência. Este desvelar inicia com a aparente inconsciência da matéria, passando pela consciência interiorizada do reino vegetal, alcançando a consciência já exteriorizada no reino animal, até chegar à consciência mental mais plena no homem. Mas a evolução não terminaria aí. O próximo passo nessa escala ascendente de graus de consciência seria a manifestação de um novo estágio de consciência, chamado por ele de Supramente. Nesse próximo nível o homem estaria próximo do estado de Perfeição Divina. A transição da consciência desde o estágio de inconsciência, subconsciência até o estágio mental, teria sido conduzida pela Natureza através de processos de tentativa e erro, segundo esta direção predeterminada. A transição da consciência mental até o estágio supramental estaria, da mesma forma, sendo preparada pela Natureza através dos processos naturais da vida no ser humano. Nesta perspectiva o Yoga é somente uma participação ativa nesses processos da Natureza visando acelerar essa transição. Sri Aurobindo diz que “a vida toda é um Yoga da Natureza buscando manifestar Deus em si mesma” e “o yoga é uma participação consciente do indivíduo no propósito da Natureza”.

A Educação Integral

A Perfeição Integral proposta pelo Yoga Integral inclui a ampliação e elevação de todos os poderes ordinários da Mente, Vida e Corpo, utilizados por um Espírito divinizado em um deleite de existência. O motivo original da existência, segundo Sri Aurobindo, é a manifestação da Consciência divina una na multiplicidade e o deleite dessa multiplicidade na Unidade divina. O Yoga Integral, assim entendido como Educação Integral, visa, além do retorno a essa consciência da Unidade original, também o desenvolvimento integral do ser humano em todos seus aspectos, incluindo além do espiritual, o pessoal, social, emocional, estético, físico, sensorial, e também o conhecimento e a cultura.

O Processo Central

O movimento inicial e essencial do Yoga Integral é um voltar-se para dentro em busca do Ser Psíquico, um concentrar-se no Centro do coração, um viver a partir de dentro, de nosso centro psíquico, o centro de nosso ser, uma aspiração para que o divino se manifeste no coração e uma entrega a este princípio aí progressivamente manifestado para que Ele nos ilumine e nos conduza nesse caminho. Posteriormente, ou simultaneamente, uma aspiração para que a Paz, Luz e Conhecimento se derramem sobre nós a partir de cima, e se manifestem no Centro espiritual, no alto da cabeça.

A Sadhana no Yoga Integral

Todo o trabalho – sadhana – do Yoga Integral é somente uma preparação para que o divino possa, mais facilmente e sem impedimento, progressivamente manifestar-se no indivíduo e, na medida em que isto ocorrer, encontre um instrumento cada vez mais preparado, cada vez mais purificado, ampliado e elevado, cada vez mais apropriado para Seus trabalhos. Essa sadhana deve ser criada e adaptada pelo próprio indivíduo, segundo as linhas gerais do método indicado por Sri Aurobindo (em A Síntese do Yoga) e segundo as necessidades e inclinações pessoais de cada um. O ponto chave da sadhana é a consciência em que se faz o trabalho, e não o trabalho em si. Para isso, Sri Aurobindo propõe a chave mestra do Yoga, isto é, os três métodos básicos: Karma (trabalho, ação), Jnana (conhecimento, compreensão) e Bhakti (devoção, emoção), sem excluir qualquer outra forma à qual o aspirante sinta-se inclinado.

Início | A CASA | Cursos | Publicações | Yoga Integral | Biblioteca

CASA Sri Aurobindo © 2003-2012
casa_sri_aurobindo@yahoo.com.br